out 062017
 
Nikkeis resgatam o sabor da “comida da vovó” em oficina que ensina o preparo de sete pratos da culinária japonesa
 
Batchan, em japonês, significa avó. A 1ª Edição da Oficina de Comida Caseira Japonesa contou com a participação de 22 pessoas –  lotação máxima – dos quais 12 eram descendentes de japoneses. Para os nikkeis, a oficina resgatou a memória afetiva, a “comida da batchan”. Foram preparados sete pratos: gohan (arroz japonês sempre quentinho), missoshiru (sopa de pasta de soja fermentada), yakizakana (anchova grelhada), inhame nikorogashi (cozido), kinpira gobo (bardana refogada) com gergelim, tsukemono (conversa de pepino com gengibre e pimenta) e a sobremesa oshiruko (feijão azuki com açúcar servido com dango). “Aprendi a cozinhar ainda menina, com minha mãe”, afirma a cozinheira Marlene Fukushima, proprietária do buffet Hanayori, que ministra a Oficina. “Agora quero passar esse conhecimento adiante”. A próxima Oficina de Comida Caseira Japonesa, que vai ensinar os 7 pratos, acontece no dia 22 de outubro.
“Essas receitas foram se perdendo com o passar do tempo e a Oficina me proporcionou esse resgate”, afirma Ana Lúcia Oba, que levou a filha Ana Flávia para fazer a oficina. “Lembrei da comida da minha avó”, confirma Ana Flávia. Todos os participantes ajudam a preparar as receitas e, no final, fazem um almoço de confraternização.
“Eu também pretendo ensinar as receitas para as minhas filhas”, afirma Erika Iwasa, que realizou a oficina.
A jornalista Marianne Nishihata, que escreveu o livro Amor Entre Guerra (Editora Planeta), sobre uma história de amor entre uma “gaijin” e um imigrante japonês durante a Segunda Guerra, diz que a oficina ajuda a manter viva a memória de uma cultura ancestral. “Além do resgate das raízes, a oficina é muito prática porque aprendemos dicas e truques para preparar os pratos, como colocar saquê para temperar o peixe”. 
 
MOMENTO ZEN
A monja zen budista Waho, discípula da monja Coen, faz uma participação especial durante a Oficina do dia 22 de outubro. Ela realiza uma conversa sobre o significado do ato de comer. Existe uma máxima que diz: “somos aquilo que comemos”. E os japoneses levam esse conceito a sério. A comida caseira é um dos segredos da longevidade e saúde dos japoneses. 
 
A OFICINA
A ideia da oficina é proporcionar uma experiência gastronômica lúdica e didática. Mesmo quem não tem experiência vai ser capaz de participar. Todos vão manipular os ingredientes e aprender o passo a passo dmodo de preparo. Ao final, os pratos serão compartilhados em um almoço de confraternização. 
A cozinheira Marlene Fukushima promete dar dicas e ensinar truques. Mesmo o preparo de um simples arroz japonês, que não utiliza temperos, tem seus segredos na hora do cozimento. Até a quantidade de água varia, conforme o tipo de arroz. De cada um dos pratos, a cozinheira vai ensinar o caminho das pedras. Além disso, ela vai mostrar em quais recipientes cada prato deve ser servido. A escolha e onde comprar os ingredientes também está previsto na oficina. “Pode vir que vai ser divertido”, diz.
 
Cardápio
Gohan (arroz japonês)
Missoshiru (sopa de soja)
Yakizakana (peixe grelhado) de anchova 
Tsukemono (conserva de pepino com gengibre e pimenta)
Inhame nikorogashi 
Kinpira gobo (bardana) com gergelim
Sobremesa: oshiruko (feijão azuki com açúcar servido com dango)
 
Serviço
Domingo, 22 de outubro, das 8h às 13h
Rua 1º de Janeiro, 53 – Vila Clementino (ao lado do metrô Santa Cruz)
Valor: R$ 290,00 (inclui apostila de receitas, ingredientes e almoço)
Whats App: 97130-3335
jul 212015
 

Comida típica é a principal atração de qualquer “matsuri”, e aqui vai a relação do que estará disponível no 18º Festival do Japão 2015, no São Paulo Expo Imigrantes, em São Paulo. Parte desses pratos só é servido neste evento, pois os ingredientes são trazidos do Japão especialmente para isso. Diferentemente dos anos anteriores, este ano, as barracas de alimentação estarão na área coberta. As barracas seguem a ordem numérica abaixo e ficam nas bordas do salão, , exceto as barracas 38 a 51, que ficam mais no meio, mas todos ficam no fundo a partir da entrada:

1 NAGANO – Nozawana zuke (conserva), pastel, shiitake gohan (risoto de cogumelo shiitake).

2 MIYAGUI – Gyutan (língua de boi assada), kaisen sossu yakissoba (macarrão com molho inglês e frutos do mar), gyoza, harakomeshi (arroz temperado com salmão).

3 GIFU – Shimeji com bacon (cogumelo com bacon grelhado), espetinho de lula, mitarashi dango (espetinho de massa de arroz com feijão doce), ika kushiyaki (lula grelhada), sanmá grelhado, sake, shochu (bebida feita com batata doce).

18 festival do japao yaki nishin4 HOKKAIDO – Yaki nishin (arenque grelhado), yaki ika (lula grelhada), chocolate e fondue de frutas, hijiki okowa, crepe de chocolate.

5 ENKYO PIPA – Yakitori (espetinho de frango), karê (arroz com curry), doces.

6 CHIBA – Yakissoba (macarrão com verdura e carne grelhados), gyoza, sushi, sashimi, hot roll (sushi frito), temaki, harumaki (rolinho primavera), robata yaki (espetinho), udon.

7 KIBO-NO-IÊ – Sonho.

8 KAGOSHIMA – Karukan Manju (doce especial típico da província), satsuma age (massa de peixe prensada e frita), churrasco, oniguiri (bolinho de arroz), anchova grelhada.

9 FUKUOKA – Tonkotsu lamen (macarrão com caldo de carne de porco), yakizakana (peixe grelhado), temaki. – Não abre sexta-feira.

18 festival do japao sanma10 IKOI NO SONO – Teishoku de sanmá (peixe grelhado), yakizakana (anchova grelhada), tonkatsu (milanesa), kakigoori (raspadinha), ichigo daifuku (bolinho de araruta com recheio de morango e feijão azuki), batata louca.

11 TOKYO – Kaminari yakissoba, gyudon (arroz com carne), ebi kushikashi (camarão), yakissoba especial, karaage (frango frito). – Não abre sexta-feira.

12 TOCHIGUI – Yakissoba, gyoza, kanpyo izushi (sushi), amazake (bebida doce à base de sake).

13 NARA – Kaki no hazushi (prato típico da província), okonomiyaki (panqueca japonesa), oshiruko (caldo doce de feijão e mochi).

14 MIYAZAKI – Chicken nanban (frango grelhado – nanban é uma influência européia), café, amazake. – Não abre sexta-feira.

15 NIIGATA – Shiro mochi (bolinho de arroz), sasadango (bolinho típico da província), na mochi, yakisoba, tempurá e sushi.

16 YASSURAGI HOME – Gyoza, cocada, shimeji itame (cogumelo refogado), e temaki.

17 AICHI – Misso kushikatsu, miso nikomi udon, sorvete de matchá (chá verde), inari zushi, e pastel.

18 festival do japao katsuo no tataki18 KOCHIKatsuo no tataki (sashimi levemente grelhado), Tai no mushi (peixe cozido no vapor), sugata zushi (peixe cru com arroz de sushi), yakisoba, tempurá, motiiri udon (macarrão com caldo quente), e sakura mochi (mochi com folha de cerejeira).

19 SAGA – Tempurá de sorvete e pastel.

20 IWATE – Sanriku wakame udon (macarrão com caldo quente), gyoza, korokke bentô (croquete), karê udon.

21 KUMAMOTO – Karashi renkon (raiz de lótus temperada com mostarda japonesa), nikuman (pão chinês), korokke bentô (refeição), ohagui (bolinho de arroz envolto por pasta doce de feijão), kinpirá renkon, brigadeiro de matchá (chá verde), choux cream (doce japonês). – Não abre na sexta-feira.

22 SANTO AMARO – Temaki, yakissoba, takoyaki (bolinho de polvo), tempurá, pastel, suco (natural: laranja/melancia), karaage (frango frito), mochi, e tempurá de sorvete.

23 WAKAYAMA – Kansaifu okonomiyaki (panqueca japonesa).

24 NAGASAKI – Nagasaki udon (macarrão com caldo quente). – Não abre na sexta-feira.

25 YAMANASHI – Houtou (sopa dos samurais), nikuman (pão chinês), karê raisu (arroz com curry), lamen.

26 KODOMO NO SONO – Yakissoba, tempurá, tempurá especial.

27 EHIME – Udon, gyoza, taruto (torta rocambole), sakepirinha (bebida doce de sake), e sakê. – Não abre sexta-feira.

28-YAMAGUCHI – Ichigo daifuku (massa de araruta com recheio de morango e feijão doce), bari bari soba (yakisoba crocante), choshu tempurá. – Não abre sexta-feira.

29 SHIGA – Niku udon (macarrão com carne e caldo quente), gyoza, tokusen karê (arroz com curry especial).

30 GUNMA – Kakiage ebi tempurá (tempurá de camarão), bentô.

31 FUKUSHIMA – Kitakata lamen (lamen típico da província), oniguiri (bolinho de arroz), gyoza, shiitake sanduíche, gelatina de café. – Não abre sexta-feira.

32 FUKUI – Etizen oroshi soba (macarrão típico de trigo sarraceno), teppan yakissoba (grelhado), tempurá, e lamén. – Não abre sexta-feira.

33 HIROSHIMA – Hiroshimafu okonomiyaki (panqueca japonesa). – Não abre sexta-feira.

34 TOYAMA – Sukiyakidon (sukiyaki com arroz), tempurá, korokke (croquete), misoshiru, annin dofu (doce japonês).

35 OSAKA – Kansaifu yakissoba, naniwa udon (macarrão com caldo quente), bentô.

36 OKINAWA – Soba de Okinawa (macarrão com caldo quente), sata andagui (bolinho de chuva típico da província), pastel, yakisoba, shimeji batayaki, yakitori, ebi kushiyaki, temaki.

18 festival do japao sanuki udon37 KAGAWA – Sanuki udon (comida típica da província).

38 AOMORI – Maçã, ringo juice (suco de maçã), produtos de maçã.

39 TOKUSHIMA – Oniguiri (bolinho de arroz), takoyaki (bolinho de polvo).

40 MIE – Ichigo daifuku (massa de araruta recheada com morango e feijão doce), pastel (não é qualquer pastel, é da Yokoyama), pizza, bentô.

41 YAMAGATA – Temaki, nigiri zushi, bentô, gyoza.

42 AKITA – Kiritampo (cozido típico de Akita à base de caldo e carne de galinha, vegetais e cogumelos, com fatias de massa de arroz assadas na brasa), Chicken Katsu (espeto empanado crocante de frango com tempero oriental), Sakura Moti (doce típico à base de arroz moti e feijão azuki envolto em folhas de cerejeira), Sake importado de Akita ( em doses e em garrafas), Sakepirinha (coquetel à base de sake e frutas diversas)

43 KANAGAWA – Chuka manju (doce típico). – Não abre sexta-feira.

44 CARMO SAKURA – Sakura mochi (doce de feijão com folhas de sakura), bentô.

45 OITA – Dango jiru (caldo especial de macarrão da província), tori meshi (risoto de frango), gyu tataki (carne levemente grelhada), habucha (chá), hoshigaki (caqui seco).

46 OKAYAMA – Matsuri sushi (prato típico da província), kibi dango (doce de arroz típico da província), temaki, hiyashi udon.

18 Festival do Japao sakura mochi47 ISHIKAWASakura mochi (doce de feijão com folhas de sakura – essas foram colhidas nos melhores pés de sakurá de Ishikawa!), sanshoku ohagi (doce com feijão), Hijiki okowa (arroz temperado com alga hijiki), kare (arroz com curry).

48 SHIZUOKA – Sukiyaki don (carne e verdura grelhados com arroz). – Não abre sexta-feira.

49 SAITAMA – karepan (pão com curry), produtos de Saitama.

50 HYOGO – Temaki, chá (chá da província), lamen, bolo chiffon.

51 TOTTORI – Daisen okowa (arroz temperado – prato típico da província), wagyu gyudon (arroz com carne temperada – wagyu é aquela carne macia).

18º FESTIVAL DO JAPÃO
24/07/15 – sexta – 12 às 21 horas
25/07/15 – sábado – 10 às 21 horas
26/07/15 – domingo – 10 às 18 horas
Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center – Rodovia dos Imigrantes, km 1,5, São Paulo

Ingressos: R$15,00 (antecipado*) e R$18,00 (no dia) *Ingressos antecipados pelo site e/ou Facebook (http://loja.likestore.com.br/festivaldojapao)

set 112014
 
Foto de Tony Gladvin George

Foto de Tony Gladvin George

A Organization to Promote Japanese Restaurants Abroad (JRO) , com sede em Tóquio, estará promovendo no dia 19 de setembro de 2014, o primeiro Simpósio para pessoas que atuam na área de restaurantes ou apenas gostam de culinária japonesa e de produtos marinhos do Japão. O objetivo da entidade é ampliar o mercado de culinária japonesa e a cidade de São Paulo foi escolhida por ser um centro comercial que vem registrando expressivo crescimento no setor.

Programação: dia 19/9/2014 (sexta-feira)

Das 14 às 17 horas – Simpósio JRO. Diversos especialistas falam e debatem sobre: Culinária Japonesa e Produtos Marinhos Japoneses, incluindo o proprietário do Restaurante Miya, o diretor-executivo da Ajinomoto do Brasil, um professor da Universidade de Meiji e dois especialistas do governo japonês. Supõe-se que as palestras sejam em japonês com tradução consecutiva para português.

Das 17 às 18 horas – Grupos de Estudos e Sugestões de Menu (reunião com fabricantes de produtos marinhos e atacadistas).

A entrada é franca. Local: Blue Tree Premium Faria Lima – Av. Brigadeiro Faria Lima, 3989, Itaim Bibi • SP • São Paulo

Inscrições por e-mail até o dia 15/9. Corra!: rsvp.jro@quicklytravel.tur.br – Aina Kaneko – Tel. 11 2198-8588

jun 262013
 

Um dos grandes atrativos do Festival do Japão é sua grande praça de alimentação, onde as associações que representam as províncias japonesas procuram apresentar o que há de melhor em sua região. Muitos desses pratos contam com ingredientes trazidos especialmente para o Festival, por isso, para quem quiser conhecer tais especiarias, a oportunidade é essa: o 16º Festival do Japão acontece nos dias 19 a 21 de julho de 2013, no Centro de Exposições Imigrantes.
A dica é ir no sábado, que é bem mais tranquilo e todas as associações ainda estão servindo o cardápio completo. Já no domingo, é bem provável que os principais itens tenham acabado. A numeração abaixo segue a numeração das barracas no local. Outra dica: vá de metrô até Jabaquara e pegue o ônibus gratuito!
01 – KAGOSHIMA – Karukan Manju (doce especial típico da província), satsuma age (massa de peixe prensada e frita), churrasco, onigiri (bolinho de arroz)
02 – FUKUSHIMA – Kitakata lamen (macarrão com caldo quente), churrasquinho, oniguiri (bolinho de arroz)
03 – GIFU – Shimeji com bacon, espetinho de lula, ayu shioyaki (peixe ayu grelhado), mitarashi dango (espetinho de massa de arroz, típico da província), kakiage udon (macarrão com caldo quente), oshiruko (caldo doce de feijão), karê rice (arroz com curry), chikara udon (macarrão com caldo quente)
04 – HYOGO – Nori (alga marinha do Japão), takoyaki (bolinho com polvo), Kansaifu yaki udon (macarrão frito), yakisoba
05 – CHIBA – Yakisoba, gyoza, sushi, sashimi, hot roll (sushi frito), temaki, harumaki (rolinho primavera) e robata yaki (espetinho)
06 – HOKKAIDO – Yaki nishin (arenque grelhado), yaki ika (lula grelhada), Hokaido tirashi sushi (arroz de sushi com cobertura), morango com chocolate e fondue de frutas, kanten de chocolate
07 – SHIZUOKA – unagi kabayaki (enguia grelhada), chá
08 – FUKUOKA – Yaki sanma (peixe sanma grelhado), chidori manju (doce com feijão-doce típico da província), temaki
09 – NARA – Cogumelo shimeji com bacon, yaki onigiri (bolinho de arroz grelhado), kaki no ha zushi (prato típico da província), yakisoba, oshiruko (caldo doce de feijão), churrasquinho (com oniguiri)
10 – EHIME – Churasquinho, amazake (bebida doce à base de sakê), yakimeshi, torta, caipirinha de sakê
11 – CARMO SAKURA – Yakisoba, sakura mochi (doce de feijão com folhas de sakura), batata frita, tempurá
12 – YASSURAGI HOME – Gyoza, cocada e shimeji itame (cogumelo refogado), temaki
13 – KODOMO NO SONO – Yakissoba, tempurá, tempurá especial
14 – ENKYO PIPA – Yakitori (espetinho de frango), oniguiri (bolinho de arroz), karê raisu (arroz com curry), gyudon (arroz com carne temperada)e doces
15 – KIBO-NO-IÊ – Pastéis e sonho
16 – IKOI NO SONO – Teishoku de sanma (peixe grelhado), yakizakana (anchova grelhada), tonkatsu (milanesa), kushiyaki (espetinho), kakigoori (raspadinha), ichigo daifuku (bolinho de araruta com recheio de morango e feijão), batata louca
17 – NAGASAKI – Nagasaki udon (macarrão com caldo quente), tempurá, oshiruko
18 – YAMAGATA – Shiso maki (sushi com folhas de shiso), pastéis, tempurá, gyoza e tsukemono (conserva), bento (refeição completa)
19 – YAMAGUCHI – Ichigo daifuku (massa de araruta com recheio de morango e feijão doce), bari bari soba (yakisoba crocante), Choshu tempurá, Choshu buta manju (bolinho recheado com carne de porco)
20 – KYOTO – Mitarashi Dango (espetinho de bolinho de arroz – típico da província)
21- SHIMANE – Inari zushi (sushi com ague – tofu frito), makizushi (enrolado com folha de alga), tsukemono (conserva) e shiitake gohan (arroz com cogumelo)
22 – HIROSHIMA – Hiroshimafu Okonomiyaki (panqueca japonesa)
23 – FUKUI – Etizen Oroshi Soba (macarrão típico de trigo sarraceno), teppan (grelhado), yakisoba, tempurá
24 – GUNMA – kaki age tempurá
25 – KOCHI – Tai no mushi (peixe cozido no vapor), sugata zushi (peixe cru com arroz de sushi), tataki (sashimi levemente grelhado), yakisoba, tempurá, motiiri udon (macarrão com caldo quente) e sakura mochi (moti com folha de cerejeira)
26 – TOKUSHIMA – Gyoza, lamen, tori karaage, temaki, choux cream
27 – KANAGAWA – Chuka Mandju (doce típico)
28 – SHIGA – Niku udon (macarrão com carne e caldo quente), gyoza, Tokusen karê especial (arroz com curry)
29 – TOTTORI – Daisen okowa (arroz temperado – prato típico da província), tempurá, gyudon (arroz com carne temperada)
30 – TOKYO – Kaminari yakisoba, gyudon (arroz com carne), anéis de cebola, ebi kushikashi (camarão)
31 – ISHIKAWA – Hijiki okowa (arroz temperado com alga hijiki), sakura mochi (doce de feijão com folhas de sakura), bento (refeição completa), sanshoku ohagi (doce com feijão)
32 – SAITAMA – karê raisu (arroz com curry), karê udon (macarrão com caldo quente e curry), karê pan (pão recheado com curry)
33 – AICHI – Tem musu, onigiri (bolinho de arroz), tempurá de camarão, anmitsu (frutas com gelatina kanten)
34 – NIIGATA – Shiro moti (bolinho de arroz), anmoti (bolinho com recheio doce de feijão), sasadango (bolinho típico da província), yakissoba, oshiruko
35 – AKITA – kiritanpo (bolinho de arroz com caldo e verduras, típico da província), tori kushikatsu (espetinho de frango com tempero de missô), sakê, suco, oniguiri
36 – OITA – Dango jiru (caldo especial), tori meshi (risoto de frango), toriten, gyuu tataki (carne levemente grelhada), habucha (chá)
27 – AOMORI – Maçã, ringo juice (suco de maçã), produtos de maçã, nori futomaki (sushi) e inarizushi (sushi com ague – queijo de soja frito), missô (japonês)
38 – IWATE – Sanriku wakame udon (macarrão com caldo quente), gyoza, korokke (croquete) teishoku
39 – OKINAWA – Sobá de Okinawa (macarrão com caldo quente), sata andagui (bolinho de chuva típico da província) e pastel, yakisoba, shimeji batayaki (cogumelo shimeji com manteiga)
40 – SAGA – Tempurá de sorvete e pasteis
41 – MIYAGUI – Gyutan (língua de boi assada), Kaisen sossu yakisoba (macarrão com molho inglês), gyoza, harakomeshi (arroz temperado) e Don don yaki
42 – KAGAWA – Sanuki Udon (comida típica da província)
43 – TOCHIGUI – Yakissoba, gyoza, makizushi (sushi), amazake (bebida doce à base de sakê), inari zushii (sushi com ague – tofu frito)
44 – OKAYAMA – Matsuri sushi (prato típico da província), kibi dango (prato típico da província), temaki
45 – MIYAZAKI – Gyudon (arroz com carne temperada), amazake (bebida doce à base de sakê) e café, lámen
46 – MIE – Ichigo Daifuku (massa de araruta recheada com morango e feijão doce), merengue, sushi set, doce de amendoim
47- OSAKA – Kansai fu yakisoba, Naniwa udon (macarrão com caldo quente), sushi, bentô (refeição completa)
48 – SANTO AMARO – Temaki, yakissoba, takoyaki (bolinho com polvo), tempurá e suco
49 – WAKAYAMA – Kansaifu Okonomiyaki (panqueca japonesa)
50 – YAMANASHI – Houtou (sopa dos samurais), karê rice (curry e arroz), temaki, nikuman (pão chinês), temaki
51 – NAGANO – Nozawana zuke (conserva), pasteis, oyaki (pastel vegetariano), tempurá soba, uri kasuzuke (conserva de nigauri – pepino amargo), shiso no mi (conserva com folha de shiso)
52 – KUMAMOTO – Karashi renkon (flor de lótus temperada com mostarda), bentô (refeição completa) e ohagui (bolinho de arroz envolto por pasta doce de feijão), umeshu (licor de ameixa japonesa)
53 -TOYAMA – Sukiyakidon (sukiyaki com arroz), tempurá, korokke (croquete), miso
shiru, annin dofu (tofu com amêndoas), doces de café

Horários de funcionamento – 19/07 – 12 às 21 horas, 20/07 – 10 às 21 horas e 21/07 – 10 às 18 horas
Ingressos: R$ 8 antecipados, R$ 10 no dia, Entrada gratuita para crianças até 8 anos e idosos acima de 65 anos

Local: Centro de Exposições Imigrantes. Rodovia dos Imigrantes, km 1,5, São Paulo. Transporte gratuito de ônibus a partir do metrô Jabaquara e estacionamento gratuito para bikes.

16º Festival do Japão 2013 – Veja programação do Palco Principal

16º Festival do Japão 2013 – Veja programação do Palco Cultura e Artes Marciais

16º Festival do Japão 2013 – Veja WCS Cosplay e AkibaSpace

maio 202013
 

curso rikko sojaA Associação Rikko do Brasil, com sede na Rua Primeiro de Janeiro, 53 – Vila Clementino, metrô Santa Cruz, São Paulo, promoverá o 3º Curso de Culinária Saudável com Soja, no dia 26 de maio de 2013, à partir das 8 horas até 12h30.
Quatro professores ensinarão a fazer “tohnyu” (leite de soja), estrogonofe de soja, salada tropical, croquete de “okara”(resíduo de soja), farofa de “okara”, manjar de soja e suco de “tohnyu”. Os alimentos feitos pelos alunos serão o almoço do grupo.
O custo é de R$ 70,00, já incluindo o material.
O curso é aberto aos interessados em geral e as inscrições deverão ser feitas pelos tels. 11 9 9217-0250 ou 9 9287-8222, e-mails: marlenekf@uol.com.br ou claricenagai@uol.com.br.

dez 182012
 

Banquete de Ano Novo, Osechi Ryouri, no Blue Tree Premium Paulista

No dia 1º de janeiro de 2013, às 13h, o Blue Tree Premium Paulista oferece, em grande estilo, o Osechi-ryouri, tradicional banquete japonês de boas-vindas ao Ano Novo. O almoço, que já é realizado há seis anos no hotel, e visa compartilhar as boas energias da Terra do Sol Nascente.
Realizado em parceria com o Noah Gastronomia e com apoio do Bistro Kazu, o menu do almoço inclui saborosos pratos típicos e tradicionais dessa época do ano no Japão. O Osechi é preparado com alimentos que simbolizam desejos de dias melhores, incluindo o Kuromame (feijão preto), que representa saúde; o Kamaboko (massa de peixe nas cores vermelho e branco) para atrair sorte; o Kombu Maki (alga marinha) em busca de alegria; o Datemaki (omelete), cuja cor amarela remete ao luxo e ao brilho; o Kurikinton (doce de castanha portuguesa), que significa “bolinhas de ouro” e tem relação com a fortuna; e o Ozouni (sopa com mochi, massa de arroz, peixe, kani e cebolinha), simbolizando renascimento junto ao ano que se inicia.
Além do tradicional prato Osechi, o banquete conta com o maravilhoso buffet internacional do Noah servido ao som de uma encantadora apresentação de koto, instrumento musical de cordas muito suave.
O almoço é limitado a 120 vagas e o valor por pessoa é R$165,00 +10%de taxa de serviço. As reservas podem ser feitas pelo telefone (11) 3147-7028 ou pelo e-mail kakemi@bluetree.com.br.

Local: Blue Tree Premium Paulista – Endereço: Rua Peixoto Gomide, 707 – São Paulo/SP

dez 102012
 

O Matsubara Hotel Paraíso preparou uma ceia especial para a noite do dia 31, com um cardápio que inclui cascata de lagosta, leitão a pururuca, bacalhau e batata sauté, entre outras delícias, mas para quem gosta da culinária japonesa, as grandes atrações são a anchova grelhada recheada de cogumelos, sobá, tempurá de camarão, missoshiru, buta no kakuni, salmão e sushi. Enfim, são vários pratos servidos das 20 às 24 horas, a R$ 350,00 o convite individual. Show na virada com Michael Tamura. O chef é o renomado Shin Koike.
O hotel também serve brunch no dia 1º, das 10 às 14 horas, com ozoni (sopa de moti), yakimeshi, yakissoba, kakiague de legumes, shimeji na manteiga, missoshiru, salmão grelhado, nishimê e outras iguarias e saladas.
Para quem vem de fora, o Matsubara oferece pacotes especiais para hospedagem com ceia e/ou brunch.
O Matsubara Hotel fica na Rua Coronel Oscar Porto, 836 – Paraíso, perto da Av. Paulista – tel. 11 3561-5000. http://www.matsubarahotel.com.br

dez 062012
 

No dia 16 de dezembro, entre 11 e 15 horas, será realizado o Festival de Mochi (leia-se Moti), na sede da Associação Iwate Kenjin, rua Thomas Gonzaga, 95 – 1º andar, Liberdade (é a rua do Lámen Kazu e do Porque Sim). Mochi com nattou, com anko, kinako, shoyu e açúcar e outras opções serão oferecidas. 1 saco de 500g de mochi branco será vendido a R$ 12,00. O mochi é 100% puro, sem nenhuma mistura, garantem os organizadores. Tel. 3207-2383.

Para saber como preparar o moti, veja aqui algumas receitas fáceis: http://www.culturajaponesa.com.br/htm/moti.html

dez 032012
 

Calendário da Fundação Japão é ilustrado com desenhos de crianças brasileiras. Este ano, o tema é “culinária japonesa”

A estudante Cindy Natsuki Yoshita, de 12 anos, da Fundação Instituto Educacional Dona Michie Akama, de São Paulo – SP, foi a vencedora do “Concurso de Desenhos 2012” realizado pelo Fundação Japão em São Paulo (FJSP). Este ano, o tema dos desenhos foi a culinária japonesa e o desenho escolhido ilustra um sushiman trabalhando sob o olhar de três crianças em um kaitenzushi (restaurante popular no Japão onde os sushis são servidos em esteira rolante). Ele fará parte do calendário 2013 da FJSP, juntamente com outros 11 trabalhos selecionados no concurso.
Os alunos que ilustram o calendário são: Manuela A. Carcani (15 anos) da E.E. Julia Macedo Pantoja – São Paulo/SP; Nicole Naemy Itikawa (6 anos) da OEN-Organização Educacional Nippaku – São Paulo/SP; Jonas Caetano Xavier Lopes (8 anos) da Fund. Inst. Ed. Dona Michie Akama – São Paulo/SP; Michelle C. Legramante (15 anos) da E.E. Fadlo Haidar – São Paulo/SP; Kelly Mika Ueno (14 anos) do Colégio Harmonia – São Bernardo do Campo/SP; Douglas Silva Manteiro de Souza (18 anos) da E.E. Fadlo Haidar – São Paulo/SP; Alexia de Oliveira Lima Reis (15 anos) da E.E. Fadlo Haidar – São Paulo/SP; Eric Campos (15 anos) do C.E. Vicente Rijo – Londrina/PR; Gabriela Chiu Ogassavara (9 anos) da OEN-Organização Educacional Nippaku – São Paulo/SP; Julia Aiko Massuda (9 anos) da OEN-Organização Educacional Nippaku – São Paulo/SP e Cairo da Silva Barros (14 anos) da E.E. Julia Macedo Pantoja – São Paulo/SP.
Além destes, os desenhos de vários alunos foram escolhidos na categoria Menção Honrosa. Vejam todos aqui: http://fjsp.org.br/agenda/desenhos2012/
As pessoas que visitarem a FJSP receberão o calendário como brinde. A Fundação Japão fica na Avenida Paulista, 37 – 2º andar, São Paulo/SP

dez 032012
 

No dia 12 de dezembro, a partir das 13h, na Sala de Exposição do Bunkyo, acontece uma aula da profa. Sônia Junko Yamakawa sobre os segredos da culinária de Ano Novo (Osechi Ryori).
O osechi ryori, originalmente, referia-se à refeição especial das festas sazonais no Japão. Atualmente, representa a culinária de Ano Novo.
Para esta ocasião se preparam pratos tradicionais reunindo ingredientes variados, cada um simbolizando desejos de um feliz ano novo, colheita farta e paz familiar. Tradicionalmente, esta culinária é acondicionada em um conjunto de “caixas” que podem ser empilhadas, chamada de jubako (que pode conter três ou cinco camadas).
Em geral, na primeira camada (tradução literal de iti no jyu) é costume se colocar pratos “festivos”, consumidos como aperitivos e acompanhados de sakê. Na camada seguinte (ni no jyu) estão as comidas assadas e na terceira parte (san no jyu) são colocados os alimentos cozidos, como legumes com shoyu. No jubako de cinco partes há ainda a quarta camada (yon no jyu), que traz conservas ou alimentos temperados com vinagre e a última (go no jyu) com a sobremesa.
Aula: R$ 35,00 (com degustação)
Local: Sala de Exposição do Bunkyo – Rua São Joaquim, 381 – 1º andar do Prédio Anexo – Liberdade – São Paulo – SP (próx. Estação São Joaquim do Metrô). Informações: (11) 98947-0654, com Junko ou contato@bunkyo.org.br